DICA: Crie um site e faça sua base de dados

Você pode reclamar ou fazer algo por você mesmo e lutar por sua sobrevivência profissional


Vamos mostrar algumas ações que você pode desenvolver com pouco dinheiro e muita persistência e entusiasmo.

Com a internet e com o marketing imobiliário em alta, surgem diversas possibilidades de investimento, e aí surge a dúvida cruel: Se tenho pouco dinheiro, pouco tempo, e trabalho sozinho ou minha equipe é super pequena, o que fazer? onde devo investir primeiro?

Antes de responder ao questionamento, é importante deixar claro que não existe mágica. Sempre uma quantia financeira deve ser investida, ações sem custo algum e com baixo esforço são raras e algumas vezes duvidosas.

Mas afinal, o que você deve fazer?

1. Tenha um site

Desenvolva um canal personalizado, com a sua identidade e com os seus imóveis para divulgar aos seus clientes. O site nos dias atuais é como a sua loja física, só que no mundo online. Não ter um é algo impensável.

Algumas empresas para facilitar sua procura na criação de site:

a. Cabanova: Grátis, mas muito limitado.

b. Rede Colibri: Grátis, de qualidade mediana.

c. ImobiBrasil: Baixo Custo e qualidade considerável.

d. Wix: Grátis, bom, não é de fácil construção, exige um paciência e conhecimento básico em informática.
Construa uma boa base de dados

Sabe todo aquele novo futuro cliente que liga interessado em algum imóvel? Muitas vezes (a maioria) ele não compra, e não liga novamente, não é mesmo? Pois que tal guardar os contatos e interesse de TODOS os interessados que você se deparar? Ao fazer isto, você poderá realizar ações ofertando produtos de acordo com o perfil de cada um.

Quais dados você precisa ter em sua base de dados?

Nome

Data de nascimento

Profissão

Imóvel desejado (dormitórios, preço, localização, valor)

Imóveis que você ofereceu

E-mail

Renda aproximada

Motivo para não ter fechado o negócio

Estas são apenas algumas ideias. Na hora de construir a sua base de dados, solicite tudo aquilo que você julgue necessário para um contato futuro.

Essas duas dicas são valiosas e podem impulsionar suas vendas.

Agora é trabalhar e fazer acontecer! Feliz 2016!
Compartilhar

Por: Movimento dos Comunicadores do Brasil

0 comentários:

Postar um comentário