EDUCAÇÃO: Bolsa Universitária atende mais três mil estudantes

Foi assinado nesta terça-feira, dia 9, o Termo de Compromisso de novos três mil estudantes contemplados pelo Programa Bolsa Universitária no processo seletivo 2016/1

Foto: Eduardo Ferreira.
Na solenidade, realizada no Teatro Rio Vermelho do Centro de Convenções de Goiânia, o governador Marconi Perillo autorizou a abertura, para o mês de setembro, de novo processo seletivo para mais quatro mil bolsas universitárias.

Marconi, a primeira-dama Valéria Perillo e o público se emocionaram com os depoimentos dos dois estudantes que representaram os três mil contemplados. Danielle Teixeira e Jizriel Pinheiro relataram suas trajetórias de estudos para chegar à universidade e a emoção de conquistar a Bolsa Universitária. Danielle vai cursar Medicina com bolsa integral. Jizriel vai estudar Direito com bolsa parcial.

Jizriel Pinheiro e Danielle Teixeira falaram em nome dos estudantes beneficiados pelo programa Bolsa Universitária

O programa é realizado pelo Governo de Goiás, por meio da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG). “Nós estamos entregando mais três mil bolsas e quero anunciar aqui que, entre os dias 1º e 10 de setembro, nós vamos abrir inscrições na OVG para mais quatro mil bolsas universitárias. Com isso, nós vamos chegar a 170 mil estudantes beneficiados. O fato é que o programa chega a 166 mil estudantes carentes beneficiários e eu vou autorizar a abertura de inscrições para mais quatro mil, chegando a 170 mil bolsas”, garantiu o governador.

Marconi destacou que deseja chegar ao final deste mandato conseguindo entregar 200 mil bolsas a alunos beneficiários. “Eu quero lançar outro desafio: para o ano que vem, cinco mil bolsas no primeiro semestre e mais cinco mil no segundo semestre. Com isso, nós chegaremos a 180 mil bolsas nos meus quatro governos. Em 2018, vamos ver como estará a economia no País e, se tivermos condições, eu vou ousar o máximo que eu puder, porque o meu sonho é terminar os quatro mandatos com 200 mil estudantes beneficiários do Bolsa Universitária”, afirmou.

Em discurso, o governador relembrou o lançamento da primeira edição do Bolsa Universitária, ainda em 1999. “Quando chegamos aqui a esse auditório do Teatro Rio Vermelho, foi como se houvesse um gol da seleção brasileira em uma Copa do Mundo. Foi uma explosão de alegria e emoção para nós e para quem estava sendo beneficiado. Foi muito bonito. Depois daquele dia, nós fizemos dezenas de eventos como este de hoje para incluir novos bolsistas.”

Emoção
Marconi e a primeira-dama e presidente de honra da OVG, Valéria Perillo, se emocionaram com os depoimentos de dois estudantes beneficiários pelo programa. Danielle Teixeira e Jizriel Pinheiro relataram as dificuldades financeiras que possuem e agradeceram ao governador Marconi Perillo a existência doBolsa Universitária, programa que, segundo os estudantes, foi a única alternativa viável que encontraram para que conseguissem ingressar no ensino superior.

“Hoje, a minha emoção seja talvez do tamanho da de vocês. Ao ouvir a Danielle e o Jizriel, nós todos ficamos emocionados, porque passei por isso também. É duro quando você não tem como prosseguir. Mas estou feliz, porque com as bolsas que entregamos hoje nós chegamos a 166 mil estudantes beneficiários em nosso Estado”, disse Marconi.

Marconi ressaltou que a OVG tem procurado aprimorar os critérios para que os estudantes mais humildes tenham acesso à bolsa integral. “Acho que quase ninguém conseguiria se formar se não fosse a bolsa. Eu me encontro permanentemente com muitas pessoas que dizem que, se não fosse a bolsa universitária, jamais teriam bons empregos. Esse é um programa tão bom que foi copiado por quase todos os estados do Brasil, inclusive pelo governo federal”, destacou.

Bolsa Universitária
A assinatura do Termo de Compromisso é obrigatória para os novos bolsistas, da capital e do interior. Nesta terça três mil estudantes de todo o Estado assinaram o documento, sendo que 2,5 mil foram contemplados com a bolsa parcial e 500 com a bolsa integral. Os alunos vão receber o benefício de forma retroativa ao mês julho, referente à taxa de matrícula.

O Programa Bolsa Universitária, possui caráter educacional e social, e visa conceder bolsas de estudos a alunos em situação de vulnerabilidade social e econômica. A bolsa integral beneficia universitários com renda bruta familiar de até três salários mínimos. A bolsa parcial contempla estudantes com renda bruta familiar de até seis salários mínimos. O valor do benefício inicia com 60% do total da mensalidade, limitado a R$ 300,00 e, a partir do segundo semestre, é definido de acordo com o desempenho acadêmico do bolsista, podendo alcançar R$ 500,00.

O PBU é mantido pelo Governo de Goiás e executado pela OVG. Desde a criação, em 1999, foram contemplados 166 mil estudantes, incluindo os que assinararam o Termo de Compromisso nesta terça-feira. O programa possui atualmente 71 instituições de ensino superior parceiras.
Compartilhar

Por: Movimento dos Comunicadores do Brasil

0 comentários:

Postar um comentário