SERVIDOR: Exposição conta histórias de funcionários do Metrô-DF

Estação Central, na Rodoviária do Plano Piloto, recebe a mostra Retratos do Metrô, parte da programação da Semana Nacional de Trânsito, a partir desta segunda (21)

Antônio Ferreira Chaves Filho trabalha na manutenção do Metrô-DF e foi fotografado no projeto Retratos do Metrô

Até 5 de outubro, 30 histórias de profissionais que trabalham na Companhia do Metropolitano do Distrito Federal (Metrô-DF) sairão do anonimato por meio de exposição artística na Estação Central, na Rodoviária do Plano Piloto. O projeto Retratos do Metrô, que começa nesta segunda-feira (21), é parte da programação da Semana Nacional de Trânsito — comemorada entre 18 e 25 de setembro — e do Dia Mundial sem Carro, celebrado em 22 de setembro.

Por dois meses, uma equipe da companhia colheu depoimentos e tirou fotos de funcionários em locais diversos, como corredores, a área de manutenção dos trens e as estações. Entre os personagens da mostra, há agentes, engenheiros, mecânicos, operadores, pilotos e técnicos.

Cinema
O público conhecerá histórias como a de Cláudio Irineu da Silva, da Divisão de Serviços de Apoio, que se revelou ator do filme Branco Sai, Preto Fica, de Adirley Queiroz, premiado no 47º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro; e a da engenheira Inalba Maria Morais Galvão, a primeira piloto do país, nascida no sertão de Pernambuco.

A mostra também apresenta casos emocionantes, como o de Rodrigo da Cruz Pereira, funcionário que mora em Samambaia e que mudou a própria vida com a prática da dança; e o de Antônio Ferreira Chaves Filho, que deixou a família no Piauí para prestar concurso público em Brasília.

Depois de 15 dias de exposição na rodoviária, a mostra será levada às outras 23 estações do DF. Para conhecer alguns dos relatos que fazem parte da exposição, acesse o site do metrô.

Fonte: Redação.

Compartilhar

Por: Movimento dos Comunicadores do Brasil

0 comentários:

Postar um comentário